Você tem alergia e rinite? Saiba quem são seus aliados nessa luta diária

Antes de sair para o feriado, veja se você não esqueceu alguma coisa
17 de junho de 2019
O frio pede hidratação. Veja alguns cuidados com a pele para o inverno.
27 de junho de 2019
Exibir tudo

Você tem alergia e rinite? Saiba quem são seus aliados nessa luta diária

Atchim! Atchim! Atchim!

Espirros em sequência muitas vezes indicam que alguém está sofrendo com a rinite alérgica. Coceira e entupimento do nariz também são outros sintomas.

Muitas coisas podem causar rinite alérgica: pólen, poeira e até comida. Por isso, se você sabe que alguns desses itens desencadeia uma crise alérgica, é bom ficar longe deles. Mas como isso nem sempre é possível, muitas vezes é necessário fazer uso de medicamentos antialérgicos. Certos cuidados no dia a dia também podem auxiliar a lidar com esse problema.

As alergias são resultado de sistemas imunológicos mais sensíveis do que o normal, que reagem a substâncias que normalmente não provocam efeitos em pessoas não alérgicas. O corpo dos alérgicos avisa que a poeira ou outra substância é prejudicial e o sistema imunológico tenta expulsar esse elemento estranho. É nessa hora que os sintomas da alergia, como a rinite alérgica, aparecem. Mas algumas atitudes bem simples podem amenizar seu convívio com a rinite e a alergia.  

Mantenha o ambiente sempre limpo. A poeira, por exemplo, é uma das mais comuns causadoras de alergia porque é formada por muitas coisas diferentes: escamação de pele humana, pelos de animais, ácaros, fungos, bactérias e até restos de insetos. Por isso a limpeza do quarto é tão importante. E aí vai uma dica preciosa para os alérgicos: Ao limpar seu quarto e os ambientes que você fica mais tempo, não adianta usar vassoura e espanador. Eles só espalham a poeira e, por isso, não evitam que o nariz sensível do alérgico entre em contato com as substâncias que causam as crises.

Atenção especial aos seus colchões e sofás. Ácaros adoram morar ali porque neles há uma quantidade considerável de partículas de pele que nossos olhos não conseguem enxergar. Usar uma capa no seu travesseiro que você deve lavar periodicamente também é indicado.

Vitaminas e minerais. Estudos recentes indicam que algumas vitaminas e minerais podem ajudar no tratamento dos sintomas de quem sofre com alergias. Ômega 3 e vitamina C são duas dessas substâncias que podem ser úteis. O primeiro, que é um composto encontrado principalmente em peixes como atum e salmão, também pode ser ingerido em cápsulas como complemento alimentar. O ômega 3 é ótimo para vias aéreas e no combate às inflamações.

Já a vitamina C e os antioxidantes dão força extra ao sistema imunológico e por isso ajudam a prevenir gripes e resfriados que podem piorar a situação dos alérgicos. Há diversas opções de suplementos com antioxidantes que podem ajudar a melhorar a condição do alérgico. Mas não se esqueça de consultar antes o seu médico para saber qual é mais útil para o seu caso.