Dia Internacional da Mulher marca a luta pela igualdade

Livros e filmes para o Dia Internacional da Mulher
6 de março de 2020
A cor do mês: março lilás alerta sobre o câncer de colo uterino
10 de março de 2020
Exibir tudo

Dia Internacional da Mulher marca a luta pela igualdade

Muitos acreditam que o Dia Internacional da Mulher, 8 de Março, seja uma data comercial, na qual é preciso distribuir flores e presentes. Contudo, a verdade é bem diferente: essa data tem raízes históricas e foi oficializada pela Organização das Nações Unidas (ONU) em 1975.

Atualmente, o dia é cada vez mais recordado e usado para reivindicar igualdade de gênero. É comum acontecerem protestos no mundo todo, relembrando muito o período em que tudo começou.

Como o Dia Internacional da Mulher foi criado


A origem remete a um período em que mulheres, que trabalhavam em fábricas da Europa e dos Estados Unidos, começaram uma campanha em busca de direitos e condições iguais de trabalho.

Um dos marcos do movimento, que acabou por criar o Dia Internacional da Mulher, aconteceu em 26 de Fevereiro de 1909, em Nova York. Nesta data, ocorreu uma passeata, que contou com mais de 15 mil mulheres em busca de melhores condições de trabalho.

Esse dia foi marcado como o “Dia Nacional da Mulher” americano. Na mesma época, em 1910, durante a Segunda Conferência Internacional das Mulheres Socialistas, a alemã Clara Zetkin sugeriu uma jornada de manifestações.

Assim como acontecia nos Estados Unidos, na Europa as condições de trabalho das mulheres eram muito inferiores às dos homens. Esse foi o passo inicial e o primeiro Dia da Mulher foi celebrado em 19 de Março de 1911.

Como surgiu o 8 de março

Embora a celebração do Dia da Mulher tenha sido o resultado de diversas manifestações, que aconteceram pelo mundo todo, o 8 de Março foi definido devido a algo que ocorreu em 1917.

Nesta data, as operárias foram às ruas, em protesto contra a Primeira Guerra Mundial e contra a fome. Esse movimento foi considerado marcante para o início da Revolução Russa.

A luta das mulheres ocorreu no dia 23 de Fevereiro, no antigo calendário russo. No calendário gregoriano, que foi adotado pelos soviéticos no ano seguinte, dia 23 de Fevereiro era o mesmo que 8 de Março.

Como a luta feminina foi considerada o “pontapé inicial” de todas as mudanças, o dia 8 de Março passou a ser considerado a data na qual deveria ser celebrada a “mulher heroica e trabalhadora”.

Em 1975, a ONU decidiu dedicar o ano para lembrar as conquistas das mulheres e, por isso, o chamou de Ano Internacional da Mulher. Desde então, 8 de Março é considerado o Dia Internacional da Mulher.

Mesmo com todo esse tempo, a luta pelos direitos iguais ainda continua. A desigualdade de condições de trabalho, de salário e até de crescimento na carreira ainda são desafios a serem vencidos pelas mulheres do mundo todo.